segunda-feira, 27 de maio de 2013

marcha da maconha

Ontem, infelizmente, não pude ir na marcha na maconha aqui em Curitiba. Não fumo, nem tenho vontade, mas acho totalmente importante e válido marchar pelo direito de escolher usar ou não. É difícil de entender como alguém pode ser contra, já que o objetivo não é obrigar o uso e sim descriminaliza-lo. Ninguém receberá maconha na cesta-básica ou merenda escolar, a pessoa apenas terá o direito da escolha, assim como pode escolher comprar bebida, cigarro ou chocolate. Deviam liberar a maconha pelo menos pro tratamento de cegos; porque dizem que quando a pessoa fica chapada ela começa a ver coisas... então acho que ajudaria.


3 comentários:

Pedro Henrique disse...

Muito bom saber que você voltou a escrever Mateus! Mais um blog pra acompanhar e rir um pouco! ;P

Abraços

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.